M/6

18 Dez. 21:30

MEDUSA Unit

Bilhete Geral: 5€

Ricardo Jacinto | MEDUSA unit

Umbra, Penumbra e Antumbra
: concerto-instalação para instrumentos acústicos, electrónica e estruturas ressonantes

A MEDUSA Unit é um ensemble que dá continuidade ao projecto a solo (para violoncelo, electrónica e objectos ressonantes) que Ricardo Jacinto tem vindo a apresentar desde 2014. Este projecto incluiu o desenvolvimento de um dispositivo electroacústico que, servindo-se de um sistema de amplificação com microfones distribuídos por diferentes pontos do violoncelo e de um sistema de difusão com vários altifalantes de contacto acoplados a objectos ressonantes, permitiu explorar a possibilidade de fragmentação e dispersão sónica dos seus gestos no corpo do instrumento, articulando a sua auscultação microscópica com paisagem sonora e a acústica do espaço circundante.

Esta nova formação apresenta-se como uma continuação das premissas iniciais do projecto mas desta vez com um grupo de intérpretes-improvisadores chamados a dar corpo a partituras que se dedicam a pensar relações e desenvolver estratégias de interacção do ensemble com os espaços específicos de concerto, ancoradas numa música fortemente textural, com raízes no minimalismo e no espectralismo. 

Desde a sua formação, em inícios de 2020, a MEDUSA Unit já se apresentou ao vivo na Culturgest (Lisboa), Oficinas do Convento (Évora), Gnration (Braga) e Zigurfest (Lamego).


Este concerto é resultado de uma residência de curta duração organizada pelo Grémio Caldense, numa co-produção com o CCC


Álvaro Rosso: contrabaixo 
André Hencleeday: piano 
Eleonor Picas: harpa 
João Almeida: trompete 
Nuno Morão: percussão 
Ricardo Jacinto: violoncelo, composição 
Yaw Tembe: trompete

Ricardo Jacinto

Ricardo Jacinto (Lisboa,1975). Músico, artista plástico e arquiteto com pesquisa artística e académica focada na relação entre som e espaço em práticas transdisciplinares. É membro fundador e director artístico da OSSO Associação Cultural e é doutorado no Sonic Arts Research Center, Queens University Belfast. Desde 1998 tem apresentado seu trabalho em exposições individuais e colectivas, concertos e performances em Portugal e Europa, e tem colaborado extensivamente com outros artistas, músicos, arquitetos e performers. Entre estes destacam-se Pancho Guedes, Left Hand Rotation,Jean Luc Guionett, Pascal Niggenkemper, Cão Solteiro, Rodrigo Pinheiro, Beatriz Cantinho, Susana Santos SIlva, Marlene Freitas, Nuno Torres, Pedrita, David Maranha, Norberto Lobo, Joana Gama, Gustavo Costa, Marino Formenti, Luis Lopes, C Spencer Yeh ou Shiori Usui. A sua música foi editada pela Clean Feed, Shhpuma Records e Creative Sources. É representado pela Galeria Bruno Múrias e as suas instalações estão presentes em várias coleções nacionais: Fundação de Serralves, Caixa Geral de Depósitos, Fundação Leal Rios or Fundação António Cachola. Foi co representante de Portugal na 10a Bienal de Veneza de Arquitectura 2006 e o seu trabalho foi apresentado em instituições como Culturgest (Lisboa e Porto), Fundação de Serralves, Fundação Calouste Gulbenkian, Palais de Tokyo, Mudam_Luxembourg, Teatro Maria Matos, Museo Vostell, Casa da Música, CCB, Manifesta 08_European Bienal of Contemporary Art, Frac Loraine_Metz ou OK CENTRE_Linz, entre outras.

Contactos

  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
  • Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
dezembro 2021
2` 3` 4` 5` 6` sa do
29 30 1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31 1 2

Informação Legal

Social

© 2008 - Centro Cultural e de Congressos de Caldas da Rainha.
Powered by [dp]Soluções